Assessoria-Esportiva-MTeam

notícias

O Que Comer no Pré e Pós-Treino

O-Que-Comer-no-Pré-e-Pós-Treino-Márcia-Ferreira-MFTeam
O-Que-Comer-no-Pré-e-Pós-Treino-Márcia-Ferreira-MFTeam
A qualidade e distribuição dos Nutrientes mudam de acordo com o tipo de treinamento: endurance X fortalecimento muscular

A alimentação e suplementação são diferenciadas de acordo com o tipo de treinamento. É preciso aliar a prescrição da dieta com a planilha de treinos. Nos dias de treinamento de endurance (corrida, natação, ciclismo, canoa, remo …) há maior necessidade de carboidratos.

Os carboidratos são fontes básicas de energia e poupam a utilização de proteína. Em associação aos carboidratos, proteína mantém padrão anabólico, contribui para rápida recuperação muscular no pós-treino e para aumento e manutenção de massa muscular. São importantes para construção e reparação dos tecidos.

O-Que-Comer-no-Pré-e-Pós-Treino
Alimentos Ricos em Carboidratos

Fontes de carboidratos: frutas, verduras, legumes, arroz, milho, polvilho, couscous, quinoa, tubérculos (batata, aipim, inhame), leguminosas (feijão, lentilha, grão de bico, soja, ervilha), linhaça, chia, aveia, mel, melado, etc.

Conheça a importância das proteínas de origem animal

Nos dias de fortalecimento muscular há necessidade de maior proporção de proteínas na dieta, por exemplo, aumentando a quantidade de proteínas no café da manhã e lanches intermediários.

Alimentos fontes de proteína animal: Carne de boi, Frango, Peixe, Frutos do mar, Ovo, Leite e derivados.

Descubra também a importância das proteínas de origem vegetal

Alimentos fontes de proteína vegetal: Tofu, Feijão, Lentilha, Grão de bico, Soja, Gergelim, Semente de abóbora, Semente de girassol, Aveia, linhaça, Amendoim, Amêndoa e Castanha do Pará.

O-Que-Comer-no-Pre-e-Pós-Treino
Preparações: omelete de frango | Iogurte proteico com fruta e nuts (castanha e amêndoa) | Muffin de farinha de grão de bico com frango

  • Carne moída – 120g
  • Peito de frango – 180g
  • Clara de ovo – 5 unidades
  • Tofu – 250g
  • Atum – 1 lata
  • Peixe – 2 filés (200g)
  • Whey protein isolado – 30g
  • O total de proteína ingerida e distribuída ao longo das 24 horas é mais importante do que o momento de utilização (pré ou pós-treino). Refeições ricas em proteínas e carboidratos realizadas uma a duas horas antes do treino proporcionam os mesmos benefícios de uma refeição ou suplementação pós-treino.

    Pesquisas demonstram que o exercício de força induz ao aumento da síntese proteica no período de 24 à 48h. Ou seja, a “janela de oportunidade” que se achava que se limitava entre quatro a seis horas, parece durar por muito mais tempo.

    Gostou desse post? Então compartilhe com os seus amigos!
    Share on facebook
    Facebook
    Share on whatsapp
    WhatsApp
    Share on vk
    VK
    Share on twitter
    Twitter
    Share on telegram
    Telegram
    Share on email
    Email
    Deixe o seu comentário
    Posts Relacionados
    Últimos Posts

    TREINUS

    Consulte agora a sua planilha de treino e feedbacks.
    • Pesquisar

    • Categorias

    • lugar

    TREINUS

    Consulte agora a sua planilha de treino e feedbacks.
    • Pesquisar

    • Categorias

    • lugar